terça-feira, 1 de maio de 2018

Armado com faca, homem invade apartamento e estupra moradora: ‘contou que tinha tido sonho com a vítima’

Por Portal do Juruá
Armado com faca, homem invade apartamento e estupra moradora: ‘contou que tinha tido sonho com a vítima’
Daniel é apontado como autor de estupro em Cruzeiro do Sul (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Daniel Ferreira, de 23 anos, foi preso em Cruzeiro do Sul suspeito de estuprar uma jovem, também de 23 anos no bairro Telégrafo, na madrugada desta segunda-feira (30).

De acordo com a polícia, a mulher estava dormindo com sua filha, quando foi surpreendida pelo homem armado com a faca que lhe obrigou a manter relação sexual com ele.

A Polícia Militar foi acionada, fez buscas nas imediações, mas não encontrou pistas do suspeito. Na manhã de segunda, policiais civis prenderam acusado pelo estupro.

O caso está sendo investigado pelo delegado Luis Tonini, que destacou ação rápida dos policiais civis.

“Foi uma ação rápida de nossa equipe de investigação que conseguiu capturar o autor desse crime bárbaro. A vítima relatou que foi acordada pelo indivíduo já portando a faca e lhe obrigando a manter conjunção carnal, que foi confirmada pelo exame. Ela disse que o autor contou a ela que tinha o sonho de manter relação com a mesma e praticou o crime lhe ameaçando de morte com uma faca” disse.

A vítima reconheceu o suspeito, que vai ser indiciado por estupro. O delegado disse que o suspeito nega o crime.

“Ele invadiu a casa da vítima, é usuário contumaz de droga e deve ter praticado o crime sob efeito de entorpecente praticamente perante os dois filhos da vítima”, informou o delegado.

Após a conclusão do inquérito na delegacia, o acusado será encaminhado ao Presídio Manoel Néri, onde ficará à disposição da justiça.
Por G1 Acre

PORTAL DO JURUÁ - Noticias e informações de Cruzeiro do Sul, Juruá e do Acre, sempre com imparcialidade e o compromisso da verdade.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do PORTAL DO JURUÁ;