quinta-feira, 16 de agosto de 2018

Com chuva, público da procissão do Novenário em Cruzeiro do Sul cai 74% em relação ao ano passado

Por Portal do Juruá
A procissão de encerramento do Novenário de Nossa Senhora da Glória, em Cruzeiro do Sul, teve que enfrentar a chuva na noite desta quarta-feira (15). O evento, que reuniu no ano passado em torno de 38 mil pessoas, este ano contou com público 74% menor. De acordo com a Polícia Militar, cerca de 10 mil fiéis participaram da romaria.
Foram 10 mil pessoas acompanhando a imagem de Nossa Senhora da Glória em Cruzeiro do Sul (Foto: Ismael Medeiros/G1)
A previsão para início da procissão era às 18h, logo após a missa celebrada na igreja matriz da cidade. No entanto, devido à forte chuva, parte da tarde e início da noite desta quarta-feira (15), a caminhada só teve início às 20h.

A maioria dos romeiros utilizou guarda-chuva para se proteger e acompanhar a imagem de Nossa Senhora da Glória, que percorreu dois quilômetros pelas ruas da segunda maior cidade do Acre.

Muitos católicos foram à procissão, considerada pela igreja como a segunda maior festa religiosa da região Norte, para pagar promessas por acreditar que tiveram seus pedidos atendidos por interseção da santa.

A produtora rural Zeneide Fociz saiu do ramal 3, do Projeto de Assentamento Santa Luzia, distante 70 quilômetros da cidade, segundo ela, para agradecer pela cura recebida.

“Estava com três anos com uma dor na perna que não parava de doer. Até que um dia me deu vontade de pedir uma ajuda à Nossa Senhora, que se ela me botasse boa, enquanto eu tivesse vida ia participar da procissão. Por isso estou aqui”, disse a devota que caminhou descalça e vestida de branco.

A aposentada Josefa Ponce, de 80 anos, é voluntária da igreja na organização do novenário há meio século. Para ela, mesmo com a chuva e um público abaixo do esperado, foi um momento de muita emoção. “É muita fé, muito prazer, uma emoção enorme em poder trabalhar há tanto tempo na igreja e ainda ter forças para participar de um momento como esse”, afirmou.

Durante o novenário, que teve início no dia 5 deste mês, a cidade de Cruzeiro do Sul recebeu um grande número de turistas. O aposentado Euzaniro Melo mora em Rio Branco e participou dos últimos cinco dias do evento.

“Sigo o costume da minha mãe que esteve aqui, em uma cadeira de rodas, até o último ano da vida dela. Eu decidi vir, principalmente para homenageá-la”, destacou Melo, que caminhou com uma câmera na mão tirando fotos e produzindo vídeos para enviar para a família na capital.

Para o bispo da Diocese de Cruzeiro do Sul, Dom Mosé Pontello, mesmo com o público reduzido e com a chuva que moderou somente nos momentos finais da procissão, a festa religiosa não perdeu o brilho.

“O pessoal não teve medo, foi em frente. Mesmo os padres, os bispos, todo mundo tomou chuva e, por isso, estou feliz com a festa. Foi muito bom. Uma grande demonstração de fé” - comemorou o religioso.

A procissão marcou o último dia das comemorações do centenário do Novenário de Nossa Senhora da Glória. Logo após as celebrações, o público se reuniu em frente a igreja para assistir ao show do padre Delair Cuerva, que durou até as 22 h.
Por Mazinho Rogério

PORTAL DO JURUÁ - Noticias e informações de Cruzeiro do Sul, Juruá e do Acre, sempre com imparcialidade e o compromisso da verdade.
Continue Lendo
Fale conosco

Assuntos relacionados com publicidade, post patrocinado, sugestões, parcerias, correções, etc... Denuncias ou reclamação

Em greve de fome, presos exigem revisão de penas vencidas e aumento no horário de visitas íntimas em Cruzeiro do Sul

Por Portal do Juruá
Os presos de quatro pavilhões do Presídio Manoel Neri da Silva, em Cruzeiro do Sul, estão em greve de fome desde segunda-feira (13). Os detentos da segunda maior cidade do Acre decidiram aderir ao protesto que teve início em unidades prisionais da capital do estado.
Em greve de fome, mais de 400 presos exigem revisão de processos com penas vencidas em Cruzeiro do Sul (Foto: Mazinho Rogério/G1)
Em papel escrito, representantes dos presidiários apresentaram suas reivindicações aos diretores da unidade. De acordo com a direção do presídio, nos quatro pavilhões estão 403 presos, integrantes de três organizações criminosas que atuam em Cruzeiro do Sul.

Todos se negam em fazer as três refeições que são servidas por dia – café da manhã almoço e janta.

A diretora da penitenciária, Deisy Januário, disse que um grupo de representantes dos presos foi ouvido pela equipe de segurança, ainda na segunda-feira (13) e apresentou um documento com as reivindicações que foi encaminhado à Vara de Execuções Penais.

“Entre as reivindicações apresentadas estão: o aumento do horário da visita íntima e a revisão dos processos dos que estão com penas vencidas. Nós encaminhamos ao Poder Judiciário”, disse.

Ainda de acordo com a diretora, os detentos de Cruzeiro do Sul já afirmaram que continuam em greve de fome em apoio ao protesto dos presos de Rio Branco. “Eles aqui informam que estão mais apoiando as reivindicações de Rio Branco, porque na unidade aqui a situação está bem tranquila”, destacou.

Mesmo com a greve, as refeições são colocadas à disposição dos detentos todos os dias. Somente após a direção ser informada, pelos próprios detentos, que eles não se servirão, os alimentos estçai sendo levados para instituições de caridade. Atualmente o presídio Manoel Neri da Silva está com 748 presidiários.

No interior, os detentos também aderiram ao protesto no Presídio Evaristo de Moraes, em Sena Madureira e Moacir Prado, em Tarauacá.

Em Rio Branco, na quarta, as mulheres de presos fecharam as principais vias da capital pressionando para que as exigências dos presos fossem atendidas. Em nota, o Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen) informou que vai dialogar com as manifestantes, mas não vai ceder às pressões.

“Não se curvará às pressões exercidas em consequência das medidas postas em prática e que visam a segurança das unidades prisionais”, destacou.
Por Mazinho Rogério/G1

PORTAL DO JURUÁ - Noticias e informações de Cruzeiro do Sul, Juruá e do Acre, sempre com imparcialidade e o compromisso da verdade.
Continue Lendo

Eleições 2018: 13 candidatos a presidente registram suas candidaturas no TSE

Por Portal do Juruá

Apresentaram os pedidos de registro: Alckmin, Alvaro Dias, Amoêdo, Bolsonaro, Boulos, Ciro, Daciolo, Eymarl, João Goulart, Lula, Marina, Meirelles e Vera Lúcia. Campanha começa na quinta.

O prazo para partidos e coligações apresentarem os pedidos de registro das candidaturas terminou nesta quarta-feira (15).

No Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 13 candidatos que tiveram os nomes aprovados em convenções partidárias apresentaram os pedidos: Alvaro Dias (Podemos), Cabo Daciolo (Patriota), Ciro Gomes (PDT), Geraldo Alckmin (PSDB), Guilherme Boulos (PSOL), Henrique Meirelles (MDB), Jair Bolsonaro (PSL), João Amoêdo (Novo), João Vicente Goulart (PPL), José Maria Eymael (DC), Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Marina Silva (Rede) e Vera Lúcia (PSTU).

Lula

Ao todo, as convenções confirmaram 14 candidaturas, mas Manuela D'Ávila (PCdoB) deve desistir para concorrer como candidata a vice na chapa encabeçada pelo PT, reduzindo o número de candidatos a 13.

A candidatura de Lula, porém, pode gerar questionamentos na Justiça porque, além de estar preso, o ex-presidente se encaixa nos critérios da Lei da Ficha Limpa, segundo a qual fica inelegível quem for condenado por órgão colegiado da Justiça.

O PT já anunciou o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad comocandidato a vice de Lula, mas, segundo informou a colunista do G1Andréia Sadi, o partido trabalha nos bastidores com a chapa Haddad e Manuela D'Ávila.

Próximos passos

Candidatos a presidente ou a vice-presidente da República devem enviar os pedidos ao TSE. Candidatos a senador, a governador ou a deputado (federal, distrital e estadual), aos tribunais regionais eleitorais.

Após o registro, cada candidato recebe um número do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) para prestar contas à Justiça Eleitoral de doações recebidas, gastos com serviços contratados durante o período eleitoral, entre outras despesas.

A Justiça Eleitoral deve publicar um edital com os pedidos.

Impugnação

Passados cinco dias da publicação do edital, candidatos, partidos, coligações ou o Ministério Público Eleitoral podem impugnar (questionar) os registros.

O TSE tem prazo até 17 de setembro para fazer a análise inicial dos registros. Depois, ainda será possível analisar recursos. Qualquer decisão que for tomada permite recurso ao tribunal e ao Supremo Tribunal Federal.

Como ficam os registros

O candidato que tiver o pedido de registro deferido será considerado apto a concorrer ao pleito de outubro.

O pedido de registro será indeferido quando o candidato for inelegível ou não atender a qualquer das condições de elegibilidade.

Se apresentar recurso, o candidato será identificado como "indeferidos com recurso”. São os chamados “sub judice”, pendentes.

Neste caso, o candidato com pendência pode fazer campanha eleitoral normalmente e utilizar o horário eleitoral gratuito no rádio e na TV, além de ter o nome mantido na urna eletrônica enquanto o recurso não for julgado.

Se a análise não ocorrer antes da eleição, o candidato aparece na urna e os votos são computados, mas aparecem zerados na contagem final da eleição. Só serão contabilizados como válidos caso o recurso seja aceito.

Propaganda

A partir desta quinta (16) estará permitida a realização de propaganda eleitoral em comício, carreata, distribuição de material impresso e propaganda na internet, desde que não paga, como sites próprios.
No rádio e na TV, a propaganda só começa dia 31 de agosto, após elaboração de plano de mídia por parte dos partidos, Justiça Eleitoral e emissoras de TV.

Por Rosanne D'Agostino, G1, Brasília

PORTAL DO JURUÁ - Noticias e informações de Cruzeiro do Sul, Juruá e do Acre, sempre com imparcialidade e o compromisso da verdade.
Continue Lendo

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Como fazer a senha do FGTS? E o que fazer se eu perder a senha?

Por Portal do Juruá
Como fazer a senha do FGTS? E o que fazer se eu perder a senha?
A senha para acessar suas informações sobre o FGTS é a mesma senha usada para o cartão cidadão. 
Tanto para fazer a senha pela primeira vez quanto para recuperar uma senha perdida o procedimento é semelhante e fácil de realizar, e nós vamos mostrar como fazê-lo.

Senha FGTS pela Internet

Para conseguir sua senha pela internet, o primeiro passo é acessar o site da CAIXA, a instituição responsável por gerir os recursos do FGTS. Acessando a página, siga os passos abaixo para fazer o cadastro.

Passo 1

Informe o número do seu Número de Identificação Social (NIS). Você pode encontrá-lo na sua carteira de trabalho ou através do site do Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS). Após informar o número, clique em cadastrar senha.

Passo 2

Leia todo o regulamento que aparece na tela e clique em “aceito”.

Passo 3

Preencha os campos que aparecem na tela com seus dados pessoais. Tenha em mãos o número do seu título de eleitor para preencher o número dele nos dados.

Passo 4

Crie uma senha segura com até 8 dígitos e guarde em um lugar seguro.

Passo 5

Uma notificação que seu cadastro foi realizado será enviada. Preencha os campos para acessar e clique em OK. Agora já é possível acessar e consultar seu extrato do FGTS.

Fazer senha do FGTS pelo aplicativo

O FGTS tem também um aplicativo para as plataformas móveis, o que facilita ainda mais o acesso e consultas. Siga os passos abaixo para cadastrar sua senha:

Passo 1

Baixe o aplicativo do FGTS na loja de aplicativos do seu sistema operacional Android ou iOS.

Passo 2

Abra o app e na tela inicial, aperte “Primeiro Acesso”.

Passo 3

Leia o contrato e toque em Aceitar após a leitura.

Passo 4

Informe o número do seu Número de Identificação Social (NIS). Você pode encontrá-lo na sua carteira de trabalho ou através do site do Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS). Após informar o número, toque em continuar.

Passo 5

Preencha o formulário por completo com todas as informações solicitadas e toque em Próximo.

Passo 6

Crie sua senha com até 8 dígitos e anote em um lugar seguro antes de tocar em Cadastrar.

Passo 7

Agora você já pode acessar as informações sobre seu FGTS com facilidade.

Perdi a senha do FGTS, e agora?

Recuperar sua senha do FGTS que é a mesma senha do cartão cidadão é muito fácil e simples, seguindo alguns passos.

Passo 1

Vá até uma agência da CAIXA. O procedimento de recuperação de senha só pode ser realizado em uma agência da CAIXA. leve os seguintes documentos com você: RG, CPF e Cartão Cidadão.

Passo 2

Converse com um gerente para recadastrar sua senha. Anote os números da nova senha em um local seguro e evite perder novamente essa senha.

Passo 3

Tome cuidado para não digitar sua senha errada nos terminais de autoatendimento e ter sua senha bloqueada. Caso isso aconteça, você terá de fazer o recadastramento para que a senha seja recuperada ou alterada. Lembre-se de não aceitar a ajuda de estranhos nas agências para usar o caixa eletrônico.

Esperamos que não tenha ficado qualquer dúvida sobre a recuperação de senha do FGTS. Mas se ficou alguma dúvida, deixem nos comentários suas perguntas. Estamos aqui para ajudar a responder a todas as suas dúvidas.
Ponto RH

PORTAL DO JURUÁ - Noticias e informações de Cruzeiro do Sul, Juruá e do Acre, sempre com imparcialidade e o compromisso da verdade.
Continue Lendo

sábado, 11 de agosto de 2018

Em 2017, o Acre já tinha uma defasagem de 88% do efetivo policial

Por Portal do Juruá
A defasagem do efetivo do policiamento militar do Acre chega a 88%. Atualmente, há 2.518 policiais na ativa. O ideal seria de 4.734. O cálculo é feito pela Associação dos Militares do Acre e confirmada pela assessoria da Polícia Militar.
10º Comando da Polícia Militar do Acre localizado em Brasiléia (Foto: Alexandre Lima/Arquivo)
O site de notícias UOL divulgou no dia (22/02/2017) dados do Departamento Penitenciário Nacional em que fica demonstrada a defasagem do policiamento militar em 25 dos 27 estados do país.

“O Depen foi muito generoso”, ironizou o presidente da Associação dos Militares do Acre, Joelson Dias, ao se referir a um déficit de 48,1%, registrado pelo site de notícias. “No Acre, o número chega a 88 por cento e isso traz consequências práticas na vida do policial, sobretudo na sobrecarga de trabalho”.

“Não se trata de uma interpretação. Isso é uma constatação”, admitiu o assessor de imprensa da Polícia Militar, Antônio de Araújo Russo Rodrigues.

A situação do Acre não é a pior do país. Há estados com melhor infraestrutura econômica, mas com o quadro de defasagem no policiamento mais dramático. Os destaques são os estados do Rio Grande do Sul e Tocantins.

O Governo do Acre abriu um concurso publico, mais não conseguiu concluir, nem muito menos nomear os aprovados.
As informações são do site Alto Acre/Portal do Juruá

PORTAL DO JURUÁ - Noticias e informações de Cruzeiro do Sul, Juruá e do Acre, sempre com imparcialidade e o compromisso da verdade.
Continue Lendo

Caixa lança site para apostas online na loteria

Por Portal do Juruá

Loterias Online da Caixa permite apostas pela internet na Mega-Sena, Lotofácil, Quina e outros jogos, mas tem valor mínimo de R$ 30

A Caixa Econômica Federal lançou, nesta sexta-feira (10), o Loterias Online. O site atende a uma promessa antiga da instituição: permitir que apostas na Mega-Sena, Lotofácil, Dupla Sena e outras modalidades de jogos sejam feitas pela internet em vez de uma casa lotérica. Mas há restrições.

Até então, a Caixa permitia que apenas clientes do banco fizessem apostas online a partir de suas contas correntes. Recentemente, o banco também passou a permitir apostas por meio de poupanças. Porém, em ambos os casos, só é possível jogar na Mega-Sena.

Com o novo site, qualquer cidadão com 18 anos ou mais pode fazer apostas. Não é necessário ser cliente da Caixa para isso, basta fazer um cadastro com CPF. O pagamento dos jogos é feito com cartão de crédito e processado pelo Mercado Pago. Não há outra forma disponível, mas a Caixa estuda permitir pagamentos com cartão de débito.

Pode-se fazer apostas online a qualquer hora e em todas as modalidades: Mega-Sena, Lotofácil, Quina, Lotomania, Timemania, Dupla Sena, Loteca, Lotogol e Dia de Sorte ? esta última loteria foi lançada pela Caixa em maio. Só a Loteria Federal não está disponível.

Os valores são os mesmos cobrados nas lotéricas. Pode-se fazer ainda Surpresinha (o sistema escolhe os números da aposta) e Teimosinhas (o mesmo jogo vale para dois concursos ou mais, dependendo da modalidade), e guardar apostas favoritas para reutilizá-las em outras ocasiões. O Bolão, porém, continua sendo exclusividade das lotéricas.

De acordo com Nelson de Souza, presidente da Caixa, o objetivo do Loterias Online é atrair o público que não frequenta as casas lotéricas e, ao mesmo tempo, têm mais afinidade com serviços online.

Mas há uma restrição importante: o valor mínimo a ser gasto nas apostas é de R$ 30 e, o máximo, de R$ 500. Apostadores que quiserem jogar com valores fora dessa faixa continuarão tendo que recorrer às lotéricas.

O valor mínimo é alto, o que vai obrigar o apostador a jogar em mais de uma loteria de uma vez ou a apostar em mais números até atingir os R$ 30. A explicação para isso, provavelmente, é a pressão das casas lotéricas: donos desses estabelecimentos manifestaram preocupação de perder clientela para o site.

Com um valor mínimo alto, o fluxo nas lotéricas não deve cair substancialmente. De todo modo, a Caixa ressalta que elas receberão percentuais da arrecadação das apostas online.

O objetivo principal é aumentar a quantidade de apostas em pelo menos 3% em um ano. Para tanto, a Caixa também deve lançar um aplicativo de loteria nas próximas semanas e criar uma modalidade de jogo disponível apenas no canal online.
Com informações Exame

PORTAL DO JURUÁ - Noticias e informações de Cruzeiro do Sul, Juruá e do Acre, sempre com imparcialidade e o compromisso da verdade.
Continue Lendo

sexta-feira, 10 de agosto de 2018

Suzane von Richthofen deixa a prisão para saída temporária do Dia dos Pais

Por Portal do Juruá

Condenada a 39 anos de prisão por matar os pais, Suzane von Richthofen deixou a Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier, a P1 feminina de Tremembé (SP), nesta quinta-feira (9).

Condenada a 39 anos de prisão por matar os pais, Suzane von Richthofen deixou a Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier, a P1 feminina de Tremembé (SP), nesta quinta-feira (9) para a saída temporária de Dia dos Pais.
Suzane deixa a prisão para saída temporária de 'Dia dos Pais' (Foto: TV Vanguarda/Vanessa Vantine)
A saída é um benefício concedido aos presos do regime semiaberto que tem bom comportamento. Suzane deixou a prisão às 8h10 e foi recepcionada pelo namorado com um beijo. Depois, seguiu rapidamente com ele até um carro e deixou o local. Ela deve retornar ao presídio na próxima segunda-feira (13).

Suzane von Richthofen obteve a progressão do regime fechado para o semiaberto em outubro de 2015. A primeira saída dela aconteceu em março de 2016, beneficiada pela saída temporária de Páscoa.

Atualmente, ela tenta a progressão para o regime aberto, quando pode deixar a prisão e cumprir o restante da pena em liberdade, mas sob a supervisão do sistema prisional. O pedido corre na justiça há cerca de um ano e não há prazo para que a decisão seja tomada sobre sua saída.

Além de Suzane, outras detentas também deixaram o presídio para a saída temporária, entre elas, Anna Carolina Jatobá, condenada pela morte da enteada Isabela Nardoni.

Anna e o marido, Alexandre Nardoni, que também está preso em Tremembé, pediram a redução da pena ao Supremo Tribunal Federal (STF). Ele foi condenado a 30 anos e dois meses de prisão enquanto a madrasta da menina teve como pena 26 anos e oito meses de cadeia. Eles aguardam análise do pedido.

No Vale do Paraíba 2,6 mil detentos têm direito às saidinhas. Eles serão colocados em liberdade entre esta quinta e sexta-feira (10).

O detento tem direito a cinco saídas temporárias ao longo do ano, sendo, além desta de Dia dos Pais, no Dia das Crianças, Natal e Ano Novo, Dia das Mães e Páscoa.
Por G1

PORTAL DO JURUÁ - Noticias e informações de Cruzeiro do Sul, Juruá e do Acre, sempre com imparcialidade e o compromisso da verdade.
Continue Lendo