Ibama autoriza contratação de mais de 30 brigadistas para combate a incêndios florestais no Acre

No Acre, 31 brigadistas devem ser contratados para as ações de combate a incêndios florestais (Foto: Reprodução/Rede Amazônica Acre)
A contratação de brigadistas para a prevenção e combate a incêndios florestais em áreas de conservação foi autorizada pelo Instituto do Meio Ambiente e Recursos Renováveis (Ibama) para o Acre. Uma portaria autorizando a contratação de 31 brigadistas para o estado foi publicada na quarta-feira (28) no Diário Oficial da União.

Conforme o Centro Nacional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais (Prevfogo), a partir de abril, o Acre e o Tocantins estarão em emergência ambiental por causa da estiagem. Em maio, entram os estados de Rondônia e boa parte do Amazonas.

O chefe do Prevfogo, Gabriel Zacarias, afirmou que a publicação é importante para que o órgão passe a planejar suas ações para o período da estiagem.

“É uma medida que nos permite contratar pessoal para combater os incêndios florestais. Então, os brigadistas contratados pelo Ibama nesse ano de 2018 serão aproximadamente 1.500 pessoas. Agora, a gente já pode se preparar para fazer a contratação”, disse Zacarias.

A previsão é que 1.500 brigadistas sejam contratados em 2018 para atuar temporariamente em todo o Brasil. O número é maior do que no ano passado. A região Norte também vai contar com mais gente na prevenção e no combate ao fogo na floresta, já que serão contratadas mais de 670 pessoas.

A maior parte dos contratados na região Norte fica nos estados do Tocantins, Pará e Roraima, com 189, 167 e 116 contratados, respectivamente. Em Rondônia serão 77 pessoas e no Amapá e Amazonas 46 e 45 brigadistas, respectivamente..

Conforme o Prevfogo, os trabalhos vão se concentrar em unidades de conservação federais, terras indígenas e em reassentamentos rurais.
Por G1 Acre

PORTAL DO JURUÁ - Noticias e informações de Cruzeiro do Sul, Juruá e do Acre, sempre com imparcialidade e o compromisso da verdade.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.