Quatro pessoas são suspeitas de tentativa de sequestro em Cruzeiro do Sul, diz polícia

Policiais militares passavam em rua quando viram vítima fazendo gestos, abordaram veículo, prenderam duas pessoas e apreenderam dois menores.

Dois homens, de 19 e 28 anos, foram presos e outros dois menores, de 14 e 15 anos, foram apreendidos suspeitos de uma suposta tentativa de sequestro em Cruzeiro do Sul. O caso ocorreu na Rua Iaco, no bairro Cohab, neste domingo (4).

Uma guarnição da Polícia Militar passava pelo local quando os policiais viram um homem dentro de um carro com os suspeitos fazendo gestos para os PMs, que desconfiaram da atitude e resolveram parar o veículo, segundo o Boletim de Ocorrência.

O major da PM Manoel Jorge, comandante do 6º Batalhão de Polícia Militar, acredita que os policiais evitaram um sequestro. O caso está sendo investigado na delegacia do município pelo delegado Lindomar Ventura.

O comandante disse que a suspeita é de que os homens estavam tentando roubar o carro da vítima. “O sargento que comandava a guarnição percebeu que podia ter alguma coisa errada e resolveu fazer a abordagem e, dentro do veículo, estava o condutor, com mais quatro pessoas que tinham abordado a vítima, provavelmente para subtrair o veículo”, falou.

O major disse ainda que as ações de policiamento no bairro vão ser intensificadas. “Nas últimas três semanas não tivemos ocorrências no Miritizal. Agora a ideia é que da mesma forma que fizemos ações pontuais no Miritizal, também façamos no bairro Cohab”, afirmou Jorge.

Segundo Ventura, só após ouvir a vítima é que o caso será esclarecido. “Estamos fazendo a oitiva dos acusados e tentando localizar a vítima para decidir que enquadramento daremos ao caso. Ainda não sabemos ao certo o que aconteceu. Não sabemos se foi uma tentativa de roubo ou sequestro. Isso só pode ser explicado pela vítima”, complementou o delegado.
Por G1 Acre

PORTAL DO JURUÁ - Noticias e informações de Cruzeiro do Sul, Juruá e do Acre, sempre com imparcialidade e o compromisso da verdade.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.