Jovem é executado com três tiros em campo de futebol em Cruzeiro do Sul

Jefersson Cordeiro do Paula de 23 anos, foi morto com três disparos de arma de fogo neste sábado (10) em Cruzeiro do Sul. O crime ocorreu em um campo de futebol no bairro Cohab.

A vítima ainda chegou a ser socorrida com vida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para o Pronto-Socorro, mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo. A mãe de Cordeiro, Maria de Nazaré Fernandes Cordeiro, disse que ele tinha problemas psicológicos e tomava remédio controlado e que ele estava sofrendo ameaças.

“Antes de ir para o jogo de futebol, ficou orando por quase 30 minutos. As pessoas chamavam meu filho de doido por ser especial. Graças a Deus, ele não tirou a vida de ninguém. Atiraram nele com balas explosivas. O médico disse que o tiro na cabeça já era suficiente para matá-lo”, falou.

Maria disse ainda que o filho vivia ameaçado. “Meu filho era evangélico, eles não tiraram só a vida de meu filho, tiraram a minha também, eu via em função dele. Espero que a justiça de Deus e dos homens seja feita. Que a polícia possa prender e punir quem fez essa barbaridade com meu filho”, lamentou.

O caso vai ser investigado pela Polícia Civil no decorrer a semana.
Por G1 Acre

PORTAL DO JURUÁ - Noticias e informações de Cruzeiro do Sul, Juruá e do Acre, sempre com imparcialidade e o compromisso da verdade.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.