Prefeitura de Cruzeiro do Sul negligência e cerca de 400 alunos deixam de ir a escola por falta de transporte

Prefeitura de Cruzeiro do Sul negligência e cerca de 400 alunos deixam de ir a escola por falta de transporte
A empresa de ônibus que leva alunos a pelo menos quatro escolas da zona rural em Cruzeiro do Sul suspendeu o transporte de cerca de 400 alunos há dois dias. A ausência dos estudantes tem preocupado a direção das escolas, que ficam ao longo da BR-364.

Um motorista informou que os veículos estão parados por falta de abastecimento. Ao G1, Ducílio Farias, proprietário da empresa que presta o serviço, confirmou a suspensão do atendimento e disse que espera, até o final desta semana, solucionar o problema.

“Os ônibus da empresa que faz o transporte não estão transportando os estudantes por falta de combustível. Os alunos estão sendo prejudicados. Na minha escola, estão indo três, quatro alunos por sala, porque 90% dos alunos dependem do transporte escolar. Não temos uma expectativa de quando isso vai se resolver e as crianças estão perdendo conteúdo escolar”, disse uma gestora que prefere não se identificar.

Farias disse que a renovação do contrato com a Prefeitura venceu e isso acabou acarretando o atraso.

“Estou sem dinheiro para comprar combustível. Tenho cinco ônibus contratados com a educação em Cruzeiro do Sul. Três fazem parte de um contrato que venceu dia 31 de julho. Já assinei um novo contrato, mas ainda não recebi a ordem de serviço para a emissão da nota”, explica.

D redação do PORTAL DO JURUÁ com informações do G1

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.