Para conter gastos, Prefeitura de Cruzeiro do Sul demite 70 funcionários do setor de limpeza do município

Prefeito de Cruzeiro do Sul, Ilderlei Cordeiro, disse que medida serve para conter gastos municipais (Foto: Anny Barbosa/G1)
A prefeitura de Cruzeiro do Sul confirmou, em coletiva na manhã desta segunda-feira (18), que 70 funcionários que trabalham no setor de limpeza do município foram demitidos por contenção de gastos. A informação foi confirmada pelo prefeito da cidade, Ilderlei Cordeiro.

“A gente tem que enxugar a folha de pagamento por causa do limite fiscal, desde o início da gestão a gente vem tentando não demitir as pessoas, mas infelizmente as arrecadações vêm caindo e a gente vai ter que ir achando soluções”, disse o prefeito.

Ilderlei falou que apesar das contenções e demissões, a prefeitura segue com a taxa 57% do limite fiscal. “O menor é 54%, então, esse é meu objetivo, e eu como gestor tenho que honrar com as minhas obrigações”, disse.

O prefeito falou ainda que mais 80 funcionários devem ser demitidos de outras secretarias do município. “Está previsto para o mês que vem mais 80 funcionários serem demitidos, do setor de obras, limpeza e outros setores. Tentamos não tirar, mas chegou um momento que não tem outra saída”, afirmou.

Apesar dessa redução do quadro, o prefeito disse que o setor de limpeza não será prejudicado. “Os serviços não estão parados e nem vão, mas, com certeza, com um ritmo mais lento porque justamente não temos como contratar outras pessoas e fugir da responsabilidade do limite fiscal”, finalizou. Via G1 Acre

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.