Membro de facção que ordenava execuções é morto ao atirar contra guarnição do Bope

(Reprodução/Facebook)
Uillian Lucas da Silva, de 27 anos, foi morto na tarde desta sexta-feira (29) após atirar contra uma guarnição do Batalhão de Operações Especiais (Bope). De acordo com a polícia, um mandado de busca e apreensão estava sendo cumprido na casa de Silva, que fica na Vila Acre, em Rio Branco.

Armado com uma pistola 380, ele atirou contro os policiais e teve que ser “neutralizado”. Segundo a polícia, Silva era autor de várias execuções registradas em Rio Branco.

Além da pistola, a polícia também encontrou na casa uma moto roubada. A polícia não soube informar se tinham mais pessoas na casa. 

Da redação do PORTAL DO JURUÁ com informações do G1

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.