domingo, 18 de junho de 2017

Rodrigues Alves: Lei municipal fixa dia para descarte de entulhos nas ruas

Por Portal do Juruá
Moradores de Rodrigues Alves não vão poder mais colocar entulho nas ruas da cidade do interior do Acre todos os dias da semana. Um decreto determina que os moradores só poderão fazer o descarte de poda e resíduos de limpeza de áreas de terra ou de obras nas quintas-feiras, já que a prefeitura irá fazer a remoção dos entulhos todas as sextas.

A lei municipal foi assinada pelo prefeito da cidade, Sebastião Correia, e publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (16).

“É proibido expor, depositar, descarregar nas calçadas, canteiros, ruas, jardins e demais áreas de uso comum público, entulhos, terras ou resíduos sólidos de qualquer natureza, ainda que acondicionados em veículos, carrocerias, máquinas e equipamentos assemelhados”, determina a lei.

Caso o morador precise retirar entulhos da propriedade nos demais dias da semana, a prefeitura informou que vai indicar por meio de alvará o local para depósito dos dejetos.

O morador que for flagrado descartando entulho nas ruas fora do dia determinado na lei, por exemplo, vai sentir no bolso e pagar de R$ 100 a R$ 200 para que a prefeitura faça o serviço.

O prefeito afirmou que a medida é para garantir que a cidade se mantenha limpa. Segundo ele, assim que assumiu a administração de Rodrigues Alves, as ruas passaram por limpeza e a lei vem para reforçar esse trabalho.

“Fazemos a coleta de lixo diariamente, e essa lei é com relação aos entulhos, que são os galhos de árvores e limpeza dos terrenos das casas. Quando cheguei na prefeitura, a cidade estava com oito anos que não via limpeza, tinham ruas que estavam com 30 centímetros para chegar no asfalto, devido ao barro e a sujeira. Aonde não tem limpeza, não tem saúde”, afirmou o prefeito.

Da redação do Portal do Juruá com informações do G1 Acre

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do PORTAL DO JURUÁ;