segunda-feira, 5 de junho de 2017

Concurso PRF (Policia Rodoviária Federal) 2017: Encaminhado ao MPOG pedido 1.300 vagas para realização do novo concurso

Por Portal do Juruá
portal do jurua

Concurso PRF (Policia Rodoviária Federal) 2017: Candidatos que pretendem concorrer ao cargo de Policial Rodoviário devem ficar atentos, pois mais um importante passo foi dado para a realização do concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF), O pedido de certame para 1.300 vagas foi protocolado no MPOG  e o edital deve ser publicado em breve.

PREPARE-SE: Apostila Concurso da PRF

Previsão

A Comissão responsável pela entrega da minuta foi presidida pelo servidor Luciano Edgar Machado e com os demais integrantes: Rosemberg Alves de Medeiros, Luciano Nogueira de Alveira Vieira, Ricardo Teixeira e Cidenor Guerra de Oliveira. Sendo assim foi apresentado um cronograma com as etapas do processo de seleção, sendo:
Primeira etapa:
  • prova objetiva e discursiva;
  • avaliação de títulos;
  • avaliação física, médica e psicológica;
  • verificação da veracidade da autodeclaração.
A segunda etapa será constituída pelo Curso de Formação Profissional. 

Salários Reajustados

Foi sancionada pelo presidente Michel Temer a lei 13371, que concede aumentos progressivos para a carreira de policial da Polícia Rodoviária Federal. A lei foi sancionada no dia 15 de dezembro de 2016. Atualmente, o inicial da carreira é de R$ 7.167,91, incluindo salário de R$ 6.719,91 e auxílio-alimentação de R$ 458. 
Agora, com a nova lei, a partir de janeiro de 2017, o valor, reajustado, passará a ser de R$ 9.491,98, já com o adicional. Além disso, a carreira contará com mais dois reajustes, em janeiro de 2018 e janeiro de 2019, com iniciais passando, respectivamente, para R$ 9.931,57 e R$ 10.357,88, com o atual valor do auxílio.

Requisitos

Para concorrer ao cargo de policial rodoviário é necessário possuir curso de nível superior em qualquer área de formação, além de carteira de habilitação a partir da categoria “B”. A jornada de trabalho dos servidores é de 40 horas semanais.

Necessidade de um novo Concurso PRF

O ministro da Justiça José Eduardo Cardoso, ressaltou a importância desse concurso para o departamento responsável pela liberação para que ocorra o certame. Segundo ele, essa é a única saída para a crise de efetivo vivida pelo órgão, que coloca em risco a vida dos servidores, provocando o fechamento de postos policiais em várias regiões do país e ameaçando o compromisso assumido pelo Brasil com a meta da Organização das Nações Unidas (ONU) de reduzir o número de acidentes de Trânsito pela metade até 2020.
Em 2016 serão mais de 3.600 aposentadorias de policiais rodoviários, deixando assim um vasto campo de cargos a serem preenchidos por novos servidores. Com a saída de policiais a PRF ficaria com apenas 6.800 policiais ativos para realização do patrulhamento de mais de 76 mil quilômetros vias federais, uma queda de 48% no quadro de servidores.

Último Concurso PRF

O último concurso realizado pelo órgão acontenceu no ano de 2013 e teve como banca organizadora o Cespe/UnB. Foram mais de 109 mil inscritos concorrendo com as 1.000 vagas ofertadas no edital.
Os candidatos foram avaliados por meio de provas objetivas, exame discursivo, teste de capacidade física, avaliação de saúde, avaliação psicológica, investigação social e análise de títulos. As provas objetivas versaram sobre as seguintes disciplinas:
  • Língua Portuguesa; 
  • Matemática; 
  • Noções de Direito Constitucional; 
  • Ética no serviço público;
  • Noções de Informática;
  • Noções de Direito Administrativo; 
  • Noções de Direito Penal; 
  • Noções de Direito Processual Penal; 
  • Legislação Especial;
  • Direitos Humanos e Cidadania; 
  • Legislação Relativa ao DPRF; 
  • Física aplicada à Perícia de Acidentes Rodoviários.

PREPARE-SE: Apostila Concurso da PRF

Da redação do Portal do Juruá com informações da vestcon

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do PORTAL DO JURUÁ;