terça-feira, 27 de setembro de 2016

Em SP estudantes protestam contra reforma na educação de Temer

Por Portal do Juruá
Estudantes protestam contra reforma na educação de Temer
Estudantes protestam contra reforma na educação de Temer (Foto: G1)
 Um grupo de estudantes realizou um protesto na Avenida Paulista, no Centro de São Paulo, na noite desta segunda-feira (26), contra a reforma na educação anunciada pelo governo federal. Os manifestantes se reuniram às 17h no vão livre do Masp. Às 18h50, ocuparam a Avenida sentido Consolação, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

Às 20h30, o grupo chegou até a sede estadual do PMDB, partido do presidente Michel Temer, na Rua Manoel da Nóbrega, no bairro do Paraíso. Eles encerraram o ato no Monumento às Bandeiras, no Ibirapuera, um pouco antes das 21h.

Estudantes protestam contra reforma na educação de Temer“Não queremos somente participar, mas sim tomar as decisões! Tudo nos é imposto de cima, mas nem tudo que cai do céu é sagrado! Estamos revoltados e revoltadas e não queremos migalhas", afirma texto na página de convocação do ato no Facebook.

Eles consideram ilegítimo o governo do presidente Michel Temer que, na visão do grupo, está atacando os direitos da classe trabalhadora e da educação. Também defendem ocupar as escolas como forma de ampliar os protestos. Durante o ato, pediram o fim da Polícia Militar e a saída do governador Geraldo Alckmin (PSDB).


O governo de Michel Temer apresentou nesta quinta-feira (22) a medida provisória (MP) sobre a reforma do ensino médio. As mudanças afetam conteúdo e formato das aulas, e também a elaboração dos vestibulares e do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A proposta terá de ser aprovada em até 120 dias pela Câmara e pelo Senado, caso contrário, perderá o efeito.

Com informações do G1

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do PORTAL DO JURUÁ;