quinta-feira, 25 de junho de 2015

Depen registra 52,5 mil inscritos em concurso para 258 vagas

Por Portal do Juruá
Resultado de imagem para depen concursoA concorrência média é de 203,85 candidatos por vaga.
Prova será no domingo; local de prova está disponível para consulta.
Os cargos de nível superior são para especialista em assistência penitenciária e especialista em assistência penitenciária nas áreas de enfermagem, farmácia, pedagogia, psicologia, serviço social e terapia ocupacional. As vagas de nível médio/técnico são para agente penitenciário federal, técnico apoio à assistência penitenciária – técnico de enfermagem.
O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) registrou 52.595 candidatos inscritos no concurso para 258 vagas em cargos de níveis médio/técnico e superior. A concorrência média é de
203,85 candidatos por vaga.
As provas serão aplicadas no próximo domingo (28), a partir das 14h, e terão 4h30 de duração. Os candidatos podem consultar os locais de prova no site www.cespe.unb.br/concursos/DEPEN_15. É necessário informar o CPF para fazer a consulta.
O cargo com o maior número de inscritos foi o de agente penitenciário federal - área 3 com 31.629 inscritos. O cargo com a maior relação candidato/vaga foi o de especialista em assistência penitenciária - área: enfermagem com 950 inscritos para 2 vagas e concorrência de 475 candidatos por vaga.
A primeira fase do concurso e a perícia médica dos candidatos que se declararem com deficiência serão realizadas nas capitais das 26 unidades da federação, no Distrito Federal e nas cidades de Catanduvas (PR) e de Mossoró (RN).
Concurso
Os salários vão de R$ 3.679,20 a R$ 5.403,95. Do total das oportunidades, 5% são reservadas para pessoas com deficiência e 20% para negros.
Os candidatos serão lotados na sede do Depen, em Brasília, ou em uma das cinco penitenciárias federais localizadas em Brasília, Campo Grande, Catanduvas (PR), Mossoró (RN) e Porto Velho.
A primeira fase é composta pelas provas objetivas, prova discursiva, exame de aptidão física, avaliação médica, avaliação psicológica e investigação social. A segunda fase consiste em curso de formação profissional.
O concurso terá validade de 2 anos e poderá ser prorrogado, uma vez, pelo mesmo período.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do PORTAL DO JURUÁ;