terça-feira, 8 de abril de 2014

Criminosos clonam o Chrome para roubar dados bancários

Por Portal do Juruá
Foi descoberto um golpe em que criminosos clonam o Chrome para tentar roubar informações bancárias de internautas brasileiros. De acordo com o Laboratório de Pesquisas da ESET, os hackers miraram pelo menos duas grandes instituições do país, Santander e HSBC.
Eles agem com um cavalo de Troia identificado como Win32.Spy.Bancos.ACD, que, uma vez instalado na máquina, executa um navegador falso bem semelhante ao Chrome, só que com funções que não funcionam - botões como o "Atualizar", por exemplo. O "navegador" já abre na página do banco, esperando que o usuário digite seus dados.

Reprodução

O site aberto é o real, embora o browser seja falso, porque a ideia é monitorar a digitação de agência, conta e nome do titular, além de obter a senha alfanumérica captando os movimentos do mouse.
"Os bancos brasileiros investem fortemente em controles de segurança diversos. Por conta disso, o roubo das credenciais de acesso bancário não é algo comum", comentou, em nota, Camillo Di Jorge, Country Manager da ESET Brasil.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do PORTAL DO JURUÁ;