Irmão de policial do BOPE é executado com tiro na cabeça, em Rio Branco


Um homem identificado como Hugo Felix de Oliveira, 57 anos, foi a vítima de mais um crime com características de execução.

O fato ocorreu por volta das 14 horas da tarde desta terça-feira (6), na casa de número 112, localizada na Rua Bota Fogo, bairro Conquista, em Rio Branco. 

Oliveira era irmão de dois policiais, sendo que um deles atua no Batalhão de Operações Especiais (Bope), da Polícia Militar. A Polícia Civil investiga o caso. 

Um vizinho, que preferiu não ter o nome divulgado, relatou aos policiais que estava em casa e resolveu ir conversar com o amigo. 

O rapaz afirmou que ao chegar no portão do quintal da vítima foi surpreendido pelo criminoso que disse ter terminado de efetuar um tiro no rosto do homem. 

O jovem, assustado, teria entrado na residência e encontrou o senhor caído dentro do banheiro, já sem vida. O homicida ainda jogou água no piso e limpou a casa. Uma guarnição do 4º Batalhão da Polícia Militar isolou a área até a chegada da perícia criminal.

O corpo foi recolhido por uma equipe do Instituto Médico Legal (IML), e levado à sede da instituição, onde foi submetido aos devidos procedimentos e depois foi liberado para que a família pudesse realizar o velório. Ele era solteiro e tinha um casal de filhos universitários. 

Vizinhos informaram que o homem era alcoólatra, mas que mantinha amizade com os moradores da rua. 

Dentro da casa, segundo a polícia, haviam vestígios de substâncias entorpecentes, daí surge a suspeita de que ele tenha sido morto após um desentendimento com a pessoa que supostamente fazia uso de drogas com ele. 

No poste de energia foram descobertas duas câmeras, mas infelizmente não irão ajudar na identificação do autor da execução, uma vez que faziam apenas o monitoramento da rua e não gravavam as imagens.

Da redação do Portal do Juruá com informações do folha do acre

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.